Quizes e Testes Sempre uma coisa nova para você. Só clicar.

A figurinha que ninguém quer colar no álbum da Copa


É incrível o fato de que, nas ultimas semanas, um álbum de figurinhas tenha roubado a atenção dos jovens brasileiros. Chega ser irônico acreditar que o mesmo público responsável pelas grandes passeatas em 2013 tenha se encantado, magicamente, por um simples álbum de fotos dos jogadores das seleções presentes no mundial.

No país onde saúde, educação e boas condições de vida são menos importantes do que construir estádios e fazer politicagem, não era de se esperar posicionamento diferente do eterno líder do PT, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Segundo ele, ser contra a Copa do Mundo por causa da falta de hospitais é um grande retrocesso. Seria cômico se não fosse trágico, uma afirmação digna do mural da vergonha nacional.

Quando o termo “Copa das Copas” surgiu, logo no início da propaganda política da competição, a nação brasileira entendeu a conotação positiva da expressão, porém não é o que tem se visto no presente momento do país. Tal termo não significava que a competição mundial da FIFA no Brasil seria a melhor de todas, mas sim, a com custos mais elevados da história.

Não contentes em gastar abusivamente o dinheiro público com obras, a FIFA, utilizando-se de métodos covardes, anunciou que o jogo eletrônico oficial do torneio custará, em solo tupiniquim, os exorbitantes R$ 250 por unidade, quase três vezes mais caros do que no resto do mundo.

Agora, a grande piada do momento é o trabalho voluntário para o evento de 2014, a definição mais pura de idiota útil. Trocando em miúdos, além de sugar as verbas do país, eles ainda clamam pelo serviço solidário dos brasileiros. E pasmem! Já possuem centenas de voluntários. Nesse ano, a única figurinha que nenhum brasileiro deveria colar em seu álbum é a própria cara de palhaço.

neymar-album

Comentários

comentários

A figurinha que ninguém quer colar no álbum da Copa by Paranóia Magazine Digital is licensed under a Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International License.