Quizes e Testes Sempre uma coisa nova para você. Só clicar.

A FÚRIA DE KONG PARA NA CCXP

kongApós o enorme sucesso nas duas primeiras edições da CCXP – Comic Con Experience com seu estande e painel repleto de novidades, a Warner Bros. Pictures marca presença uma vez mais no maior evento de cultura pop da América Latina e anuncia duas grandes atrações para seu painel, que acontece no domingo (4/12).

Em sua primeira vez no Brasil, o diretor Jordan Vogt-Roberts apresentará conteúdo de Kong: A Ilha da Caveira e discorrerá sobre o lendário personagem que faz sucesso entre os fãs desde os anos 30 e agora volta aos cinemas em uma escala inteiramente nova e que promete abalar a tela grande.

O cinema nacional estará muito bem representado com a participação do ator Vladimir Brichta e do diretor Daniel Rezende num painel exclusivamente dedicado a Bingo – O Rei das Manhãs. Uma produção da Gullane Filmes em associação com a Empyrean, o longa é um retorno a cultura dos anos 80 e durante o painel, o público poderá refletir sobre a influência marcante dessa época sobre a cultura pop.

Além do conteúdo sobre Kong: A Ilha da Caveira e Bingo – O Rei das Manhãs, o estúdio também deve apresentar no Auditório Cinemark materiais sobre os lançamentos mais esperados de 2017.    

Já no estande, a Warner Bros. Pictures mantém sua tradição de brindar todos os visitantes da CCXP com uma experiência imersiva, onde poderão apreciar de perto – entre outras atrações – preciosidades como o figurino original utilizado pela atriz Lynda Carter nos anos 70, em espaço especial celebrando os 75 anos da Mulher-Maravilha.

Sobre Kong: A Ilha da Caveira

Warner Bros. Pictures e Legendary Pictures apresentam Kong: A Ilha da Caveira, uma produção da Legendary Pictures. O longa tem estreia prevista no Brasil para 9 de março de 2017 nos formatos 2D, 3D e IMAX e terá distribuição internacional pela Warner Bros. Pictures, uma empresa da Warner Bros. Entertainment.

Kong: A Ilha da Caveira, da Warner Bros. Pictures e Legendary Pictures, recria a origem do mítico Kong numa aventura original emocionante dirigida por Jordan Vogt-Roberts (“Os Reis do Verão”).

No filme, um eclético time de exploradores se aventura nas profundezas de uma desconhecida ilha do Pacífico – tão bela quanto traiçoeira – sem saber que estão invadindo os domínios do mítico Kong.

Tom Hiddleston (“The Avengers: Os Vingadores”, “Thor: O Mundo Sombrio”), Samuel L. Jackson (“Os Oito Odiados”, “Vingadores: Era de Ultron”), a vencedora do Oscar Brie Larson (“O Quarto de Jack”, “Descompensada”), John Goodman (“Transformers: A Era da Extinção”, “Argo”) e John C. Reilly (“Guardiões da Galáxia”, “Quase Irmãos”) estrelam Kong: A Ilha da Caveira. O elenco internacional inclui ainda Tian Jing (“Em Nome da Lei”), Corey Hawkins (“Straight Outta Compton: A História do N.W.A.”), Jason Mitchell (“Straight Outta Compton: A História do N.W.A.”), John Ortiz (“Steve Jobs”), Thomas Mann (“Dezesseis Luas”), Shea Whigham (“O Lobo de Wall Street”), Toby Kebbell (“Planeta dos Macacos: O Confronto”) e Eugene Cordero (“Os Reis do Verão”).

Sobre Bingo – O Rei das Manhãs

 

o-rei-das-manha%cc%83s-2-agambiarraO longa, dirigido por Daniel Rezende, premiado montador indicado ao Oscar por “Cidade de Deus”, com roteiro de Luiz Bolognesi (“Bicho de Sete Cabeças”, “Uma História de Amor e Fúria” e “As Melhores Coisas do Mundo”) e fotografia de Lula Carvalho (“As Tartarugas Ninja”, “Robocop”), é estrelado por Vladimir Brichta, Leandra Leal, Emanuelle Araújo e grande elenco e traz um retrato da efervescente televisão nacional nos anos 1980, cheio de cores vibrantes e músicas ícones da época.

Inspirado na vida de Arlindo Barreto, o filme levará aos cinemas a história de Augusto, um artista que sonha com seu lugar sob os holofotes. A grande chance surge ao se tornar “Bingo”, um palhaço apresentador de um programa infantil na televisão que é sucesso absoluto. Porém, uma cláusula no contrato não permite revelar quem é o homem por trás da máscara. Augusto, o “Rei das Manhãs”, é o anônimo mais famoso do Brasil.

Com muita ironia e humor ácido, ambientado numa roupagem pop e exagerada dos bastidores da televisão nos anos 80, o filme conta essa incrível e surreal trajetória de um homem em busca do reconhecimento da sua arte.     

Comentários

comentários

CC BY-ND 4.0 A FÚRIA DE KONG PARA NA CCXP by Paranóia Magazine Digital is licensed under a Creative Commons Attribution-NoDerivatives 4.0 International License.